Saga "Raízes do Sertão" recebe homenagem e reconhecimento como patrimônio cultural pela Câmara de S. José do Piauí - Mestiço News | Notícia de Verdade

DESTAQUES

Seja bem vindo! Hoje é

09/04/2017

Saga "Raízes do Sertão" recebe homenagem e reconhecimento como patrimônio cultural pela Câmara de S. José do Piauí

Parte do elenco de Raízes do Sertão
Foto:
Reprodução Google 

Aconteceu na tarde do último sábado (08) na Câmara de Vereadores de São José do Piauí, município piauiense localizado na macrorregião de Picos, sessão solene com o intuito de homenagear e aprovar Projeto de Lei que passaria a caracterizar a saga Raízes do Sertão como Patrimônio Cultural do município. A sessão teve a presença do elenco e de muitos populares.
Populares prestigiando as homenagens
Foto:
Reprodução Facebook

Segundo o diretor da saga, Roberto Borges, em nota divulgada em uma rede social, todo o elenco e produção da série de filmes sentiu-se honrada em obter o reconhecimento através de Projeto de Lei pelo o poder legislativo de São José do Piauí. Roberto Borges expressou ainda sua gratidão, em nome do elenco do Raízes do Sertão, ao autor do projeto, o vereador (e também presidente da Câmara) Juscelino Borges, ao ex-vereador Manoel Inácio e a todos os membros do legislativo daquele município. Na ocasião também foi lançada a edição 2017 da saga e o elenco recebeu os diplomas de honra.



À esquerda, Roberto Borges
(Diretor e idealizador da saga Raízes do Sertão)
Foto:
Reprodução Facebook

A saga
Raízes do Sertão é um projeto construído e idealizado pelo o pastor assembleiano, Roberto Borges da cidade de São José do Piauí. O mesmo exerce o pastorado com muito zelo, segundo informações. No entanto, em um vídeo no You Tube, Roberto Borges revela que produzir um filme era um sonho de criança. A saga Raízes do Sertão começou de maneira tímida, com o nome Marcas do Passado. No entanto, logo tomou o gosto do público por ser uma produção genuinamente de caráter regional e por ter, em sua essência, uma linguagem simples, sem apelos e que pode ser apreciada por todos os públicos/faixas etárias.

O seriado de filmes já está quase na sua décima edição. E desde quando ainda se chamava Marcas do Passado, a cada edição tem conquistado um público maior. Quem nunca riu das trapalhadas da Dandinha? Dos “pirilampos” do Severiano? Das malandragens do Zezão? Quem nunca riu, chorou com a Paula? Com a Tereza? Com o seu Bezerra? Atualmente quase em todas as regiões do Nordeste houve-se falar que o Raízes do Sertão tem excelente popularidade junto ao público.

O reconhecimento é, certamente, um importante passo para a história da saga. Esse passo pode ser aumentado se houver agora da parte do governo do estado, das entidades e repartições públicas culturais do Piauí. Talento, esforço, determinação, foco e trabalho deram resultado a mais essa conquista desse patrimônio genuinamente piauiense. Digo mais essa, porque a maior conquista é aquela que esse elenco já conquistou há muito tempo: o respeito, a admiração e o reconhecimento do público.

Fonte: Redação Mestiço News

Nenhum comentário:

Postar um comentário